quarta-feira, 27 de abril de 2011

Clipe Novo

Oii Galerinha, lançou o clipe da Banda Caps Lock da música Agora eu Sei *-*

Quem ainda não assistiu é só dar play!



Espero que tenham curtido!
E deixem recadinho para eles no site:

(' Káh)

domingo, 24 de abril de 2011

Conheçam Banda 4SUX


Oi Galerinha, hoje trago a banda 4SUX da cidade de Osasco. A banda tem um som bem bacana e estão lutando aí pelo seu espaço há um tempo já.

A banda é formada por:
Marcus, Bruno, Jon e Renann

Atualmente eles estão em fase de estúdio, gravando seu segundo disco. Mal podemos esperar pelas novidades!!!
E fiquem ligados Galerinha porque logo menos terá entrevista com os meninos aqui para o blog!

Vou deixar uns videos para poderem conhecer um pouco da banda:





Mas aqui deixo todos os links da banda, vamos bombar os links Galerinha! :)

(' Káh )

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Shows Internacionais

Oii Galerinha, hoje trago o segundo post sobre Shows Internacionais onde você, sim VOCÊ pode participar, é só entrar em contato com a gente e contar como foi o show do seus sonhos!


Quem vai contar o show de hoje é o Morábito. Ele teve a oportunidade de realizar seu sonho de poder ir no show da banda Iron Maiden no Estádio do Morumbi.

Então se preparem galerinha, pois quem não pôde curtir o show de perto vai poder curtir agora, pois ao ler parecer que estamos lá!







26/03/2001 - 21 horas (...)





As luzes do estádio do Morumbi se apagam, o telão é ligado e as 50 mil pessoas começam a gritar descontroladamente. Essa é a ‘vibe’ do início da apresentação dos veteranos ingleses. Após a introdução 'vinda' do espaço, culminando com a destruição do Universo, Bruce Dickinson e cia sobem ao palco disparando “Satellite 15.. The Final Frontier”, tema que abre o décimo quinto álbum da banda,”The Final Frontier”.






"El Dorado", é a próxima música executada. Ambas fazem parte do mais recente trabalho da banda, lançado em 2010. Músicas longas e divididas em sub-temas, marca registrada do baixista e líder Steve Harris, que assina boa parte das músicas do álbum.






O vocalista agradece o público e repete o que seria a frase mais dita durante as duas horas de apresentação. 'Scream for me São Paulo'. Usando uma toca preta e camiseta rasgada na qual está estampado 'Psych Ward', traduzido como 'Ala Psiquiátrica', Bruce mostra que está propositalmente 'insano' para o show de São Paulo, pulando sem parar no palco e correndo de um lado para o outro. "Two Minutes to Midnight", do seminal álbum “Poweslave”, de 1984, é a próxima música tocada. O público vai ao delírio e alguns fãs não contem a emoção e começam a chorar (!) ao lado deste repórter. Compreensível, mesmo sabendo que se vão apenas dois anos desde a última vinda do sexteto legendário. A banda, com mais de 30 anos de história e muitos préstimos ao Heavy Metal é, talvez, o maior nome do estilo musical de todos os tempos. O show segue com muito vigor e precisão musical dos membros da banda, especialmente o impecável trabalho dos três guitarristas, Adrian Smith, Janick Gers e Dave Murray. Destilando riffs, licks e solos velocíssimos, o trio mostra que o ‘glamour’ e o sucesso alcançado da banda não alteraram em nada as composições e fórmula que levaram os caras ao topo do ranking do Heavy Metal. Em "The Trooper", um dos momentos altos do show, Dickinson veste sua tradicional roupa de combatente e empunha a bandeira da Inglaterra contra os 'invasores' da Terra da Rainha. Para uma banda com uma coleção de ‘hits’, por vezes a escolha do ‘set list’ pode ser mais difícil do que o imaginado. Para essa nova tour, a banda decidiu incluir ao menos seis músicas do "The Final Frontier", o que limita a inclusão de clássicos no repertório. Na pista, as opiniões divergiam. Parte do público pedia mais clássicos em detrimento das novas músicas, enquanto uns mais 'modernos' diziam preferir a escolha da banda em tocar mais canções novas. "The Wicker Man", música da fase mais recente da banda, lançada em 2000 no álbum “Brave New World”, realça o paradigma do ‘set list’ escolhido, mas no geral tem ótima recepção por parte do público presente. O show caminha para a parte final. Uma grata ‘surpresa’ em "The Evil that Men Do", com a entrada de Eddie, mascote da banda, e marca registrada em todos os álbuns do Maiden. Interagindo bastante com a banda, ele prova porque é considerado o sétimo integrante do grupo. Momento único em "Fear of the Dark", hino de 1992, que batiza o nono álbum da banda. Ao som das primeiras notas e com o estádio completamente apagado, 50 mil vozes cantam: "Ô,ô,ô,ô, ÔÔu”, e sinalizam o que seria o ponto máximo do show. O vocalista começa a cantar " I am a man..." e o público domina a canção e é impossível não notar a emoção de Bruce Dickinson, que após o lançamento desse álbum sairia da banda por longos oito anos antes de retornar ao posto de ‘frontman’. A banda faz uma curtíssima parada e retorna para o bis. "The Number of the Beast", "Hallowed be Thy Name" e "Running Free" são as três músicas de encerramento do show. Muito se especulou se a atual tour da banda é a última gira dos ingleses pelo mundo. Dickinson fez questão de rechaçar o rumor. "As pessoas no mundo inteiro tem perguntado se iremos nos aposentar após essa turnê. Posso afirmar pra vocês, São Paulo, que a resposta é NÃO! Inclusive, estamos filmando esse show para eventualmente incluirmos em nosso próximo DVD ao vivo e voltaremos em breve aqui para apresentá-lo", afirmou o cantor.




E aqui uma fotinho do Morábito no show!



Aqui vai ter uns vídeos para poderem curtir e ver um pedaçinho do show!












Bom Galerinha, que o show foi inesquecível isso a gente não tem dúvidas né? Espero que tenham curtido!! Agradecimento especial ao Morábito.




E está esperando o que? Mande já a sua história contando como foi o SEU show inesquecível!




(' Káh)

terça-feira, 19 de abril de 2011

Emily Harder


Oii Galerinha, hoje o novo sucesso que trago é a incrível Emily Harder de 17 anos. Amante de musica e começou a se divulgar com vídeos seus fazendo cover.
Primeiramente vou deixar os dois clipes dela, espero que gostem e comentem!






E agora eu escolhi alguns dos incriveis covers que ela fez, se quiserem no final do post deixarei o canal do You Tube dela para que possam conferir o resto dos vídeos.











E aí curtiram Galerinha? :)
Vou deixar os links para poderam conhecer mais sobre a Emily.
  • http://www.facebook.com/EmilyHarderOfficial
  • http://www.myspace.com/emilyharderofficial
  • http://twitter.com/emilyharder
  • http://youtube.com/emilyharder
(' Káh)

sábado, 16 de abril de 2011

Entrevista: LunaBlu

A união de três amigos resultou num disco de rock cheio de influências diversas, de pop a progressivo, com o peso das guitarras e da bateria contrastando com o vocal versátil e cheio de feminilidade.

A banda é formada por:

Vocal: Valentina Piras
Guitarra: João Milliet
Bateria: Thomas Henne

Esse é o poder da LUNABLU , veja a entrevista e veja do que estou falando.

VMT-A quanto tempo a banda é formada?

LB-A banda começou aproximadamente em junho/julho de 2008! Então estamos pra completar 3 anos nesse meio de ano!


VMT-O single de vocês Nenhum Segundo é super famoso quando vocês cantam no show o que vocês sentem, com todos cantando com vocês?

LB-Pois é! É uma sensação incrível ver que pouco a pouco as pessoas começaram a cantar a Nenhum Segundo nos shows e de repente poder ver que estão TODOS cantando junto com a gente. É a realização de um sonho pra nós! Ficamos muito felizes com o sucesso da música, tanto nas rádios quanto na MTV e Multishow.


VMT-A alguns dias atrás vocês gravaram o 2º single com participação do Lucas Silveira, como foi a gravação?

LB-Para esse clipe, nós queríamos algo bem diferente do primeiro clipe. O clipe de Nenhum Segundo foi cheio de imagens noturnas e metropolitanas, além da cena de banda em estúdio, com tudo bem preto mas com muitas luzes. Para essa música, achávamos que tínhamos que trabalhar com uma fotografia excepcional e clima de sol, vento, final de tarde... Então achamos um cemitério de trens no interior de São Paulo, um lugar incrível! Tivemos que lidar constantemente com o risco de chuva, mas no dia deu tudo MUITO certo. Fez o sol mais lindo que já vimos e até teve chuva, mas foi uma chuva leve e cênica, super aproveitada na cena do Lucas. O clipe está incrível e tenho certeza que todos vão gostar muito!


VMT-Qual a banda que vocês, estão ouvindo no momento?

LB-Valentina: Nós somos todos muito ecléticos na banda, então acabamos ouvindo um pouco de tudo. Cada situação pede uma música! No meu caso, ouço muito Zero7 e eletrônico pra variar um pouco e uma banda de rock, que gosto muito, é o Silverchair.

João: Eu estou curtindo muito o trabalho mais recente do Boys Like Girls, mas sempre escuto Nickelback, Steve Vai, John Mayer a por aí vai!


VMT-O cd de vocês já está nas lojas de todo o Brasil , qual a meta de vocês de venda ?

LB-O máximo que der!! Um milhão de cópias só aqui em São Paulo!! Infelizmente isso já não existe mais, mas ficaríamos muito contentes com um disco de Ouro!


VMT-Quem fez as músicas do álbum de estréia?

LB-As músicas do nosso cd são todas autorais com excessão da Nenhum Segundo, que é uma composição do nosso produtor musical Rique Azevedo e da Liah. Em geral sentamos todos pra compor juntos, e o Rique quase sempre participa com a gente e na faixa Sempre Comigo, temos a participação também do Lucas Silveira.


VMT-Estão ansiosos para saberem o resultado do premio Multishow?

LB-Sem dúvida!! Estamos com uma grande expectativa em relação ao Prêmio! Seria uma grande realização!


VMT-Qual festival que vocês tem a vontade de tocar?

LB-Valentina: Poxa, são tantos!! Acho que participar de festival é sempre legal! Uma forma de você entrar em contato com outras bandas, o público pode curtir diversos shows e ao mesmo tempo é uma oportunidade pra quem frequenta, de descobrir bandas novas! Pessoalmente, sonho em participar do Planeta Atlântida!

João: Tem vários! Rock College Aracajú, Festival de Verão de Salvador, tinha o Pop Rock Brasil em BH, que eu torço para que volte a ser realizado um dia, o João Rock em Ribeirão Preto... a lista é grande!! Espero poder tocar em todos esses e outros!!


VMT-No Nordeste a banda já tem vários fãs, planejam tocar por aqui?

LB-Sem dúvida!! É impressionante a quantidade de fãs do Nordeste que aparecem todos os dias! E eles são super carinhosos, temos vários fã-clubes aí! Esperamos ir o quanto antes e passar por diversas cidades da região! E quem sabe tocar nos festivais que rolam por aí!



(Aproveite e veja o 1º videoclipe deles da faixa Nenhum Segunda.)


Para conheçer mais a banda acesse:

www.bandalunablu.com.br
www.twitter.com/LUNABLUoficial
www.myspace.com/lunablurock


Espero que tenham gostado e fiquem sempre de olho o VMT.

@juniorbelo
@videmusicteen

domingo, 10 de abril de 2011

Um pouco sobre: Nicole Scherzinger

Voltamos com o quadro UM POUCO SOBRE , desta vez vamos falar da ex - pussycat dolls Nicole Scherzinger que está com carreira solo bombando na Europa.

Nicole Prescovia Elikolani Valiente Scherzinger nasceu em 29 de Junho de 1978 , antes de nicole entrar para as pussycatd dolls ela participou de dois reality shows o "POPSTARS" e "THE WB" ambos para forma uma gilrband.

Atualmente a Nicole está focada na divulgação do seu 1º cd solo o Killer Love que já teve 2 singles.



(Don't Hold Your Breath)


(Posion)


Se você ainda não escutou o álbum recomendo escutar as faixas de destaque( Posion , Dont Hold Yoyr Breath , Killer Love , Right There e Powe's Out feat Sting)

@juniorbelo
@videmusicteen

sábado, 9 de abril de 2011

Lançamentos da semana

Bora ferver sua tarde de sábado?Então veja os lançamentos da semana.

Veja a seguir os novos singles e videoclipes de Britney Spears , Moroon 5 , e Kelly Rowland.



(Britney Spears - Till The World Ends novo single do Album Femme Fatale da Britney o seu 6º cd a estrear em #1 no hot 200 billboard)


(Kelly Rowland - com Motivation seu novo single do album sem titulo que será lançado no segundo semestre de 2011, o video tem participaçao do reaper Lil Wayne)


(Moroon 5 - Runaway novo single do album Hands all over lançado em 2010.)


Esses 3 clipes são muito bons , mas e vocês gostaram?

@juniorbelo
@videmusicteen

sexta-feira, 8 de abril de 2011

Entrevista: Banda NO DUCKY


Oi Galerinha, hoje a entrevista é com a Banda No Ducky! Já falei sobre eles aqui no blog e agora vocês poderão conhecer um pouco mais da história da banda. Eles são de Jundiaí/SP.



A banda é formada por:
Rike (voz)
Chapola
(guitarra)
Caio
(guitarra)
Jean Sik (baixo)
Marcola (bateria)

VMT- Como decidiram o nome da banda?
Rique: O nome da banda foi decidido nas vésperas do nosso primeiro show, em 2005 ! Procuramos algo que traduzisse algo sobre a banda (pato, patifaria) e com boa sonoridade.
Ficou NO DUCKY

VMT- Você acha que o rock mesmo de uma certa forma perdeu um pouco espaço para o "Happy Rock"?
Rique: O Rock infelizmente deixou de estar no mercado da música por algum tempo, mas isso esta acabando!
O que é moda sempre tem vitrine, mas o Rock é eterno, e por mais que saia dessa vitrine, sempre volta!!!!

VMT- Como vocês se conheceram?
Rique:Eu e o Marcola estudamos juntos no colégio, foi de la a idéia de montar uma banda! O Caio foi indicação de um amigo, o Chapola trabalhava no estúdio onde ensaiavamos e o Jean sempre foi um grande amigo da banda.

VMT- Qual foi o show mais marcanta?
Rique: Ja tivemos grande shows, pra grandes públicos. Mas para mim, o mais marcante foi a festa de lançamento do nosso cd em fevereiro de 2010, aqui mesmo em Jundiaí.

VMT- Quais são as maiores influencias da banda?
Rique: Rock no geral! Falando por mim, tenho influências da música brasileira!
Rock, MPB, Reggae , tudo que fala sobre a nossa cultura e nossa realidade!
Gosto de ver a música como informação, ajuda e não simplesmente como um mercado.

VMT- Qual a maior loucara que uma fã fez por você?
Rique: Ja recebi cartas com muitossss metros, alguns presentes, homenagens.
Mas as maiores loucuras, foram tatuagens (NDK e No Ducky) e grandes viagens para ver um show da banda.

VMT- Quais as novidades para esse ano?
Rique:Estamos iniciando um projeto agora, chamado Só Por Um dia - O que você faz pra mudar! É um projeto ligado a um cunho social aqui em nossa cidade. Logo todos terão maiores informações.
Além disso, estamos gravando muitas coisas novas e quem sabe não lançamos um novo disco =)

VMT- Se pudessem dividir o palco com algum artista, qual seria?
Rique: Meu sonho é cantar um som com o Chalie Brown Jr, ou uma parcerida com o Marcelo D2.

VMT- Quando começou a cantar?
Rique: Sempre gostei, e brincava muito na banda do meu Pai. Profissionalmente comecei com a NO DUCKY mesmo, com 17 anos.

VMT- Além de cantar você toca algum instrumento?
Rique: Estou me esforçando pra aprender violão. Eu chego la =)

VMT- Como foi a aceitaçao da galera pelo som de vocês?
Rique: Sempre fizemos tudo sem muita imposição.
Buscamos sempre fazer o que pensamos no momento e o que nos agrada e isso é muito legal! Temos fãns fiéis, que realmente gostam da nossa música!!!
Nào aturam e cantam por obrigação, tem gosto e sentimento envolvido na parada. Resumindo, a aceitação sempre rolou muito legal =)

VMT- aqui é o seu espaço, acrescente o que quiser
Rique: Agradeço o espaço da entrevista, é sempre um prazer poder falar um pouco sobre o nosso sonho, que é a NO DUCKY.
Estamos sempre aqui para tudo que precisar.
Um imenso beijo a todos que acreditam no nosso trabalho!
E podem esperar muita novidade para 2011.
=)


VMT- Deixe um recadinho para os fãs da banda.
Rique: OBRIGADO E OBRIGADO por vestirem a camisa da NO DUCKY.
Vamos lutar até o final para que o nosso sonho se realize ao lado de vocês!
Um grande beijo e muito rock !!!
Rike - @rikendk

E aí curtiram galerinha? :) Agora vou deixar os links da banda e o clipe da música Vício.



www.noducky.com.br

www.myspace.com/noducky

www.twitter.com/noducky

www.fotolog.com.br/noducky


(' Káh)

sábado, 2 de abril de 2011

Entrevista: ZÉ NERY (Granada)



Oii Galerinha, hoje trago uma entrevista mais que especial com o Zeh Nery da banda Granada
. Ele foi super atencioso e acho que vão gostar da entrevista. A Banda Granada está ai na luta pelo seu espaço há um bom tempo já e são donos de um talento inexplicável!


VMT- Há quanto tempo você canta?
Zeh: Aos 5 anos eu comecei a cantar no coral de uma igreja que minha mãe freqüentava, aos 13 montei minha primeira banda de Rock.

VMT- Quem teve a idéia de formar a banda?
Zeh: Eu toquei em 3 Bandas antes de entrar no Granada, tive a idéia de montar apenas a primeira, as outras eu fui convidado a cantar, no granada no começo eu tive que aprender a tocar baixo também, porque nunca tinha tocado, sempre fui vocal só. Hoje toco baixo, batera, guitarra e rabisco um pianinho, quero estudar muito ainda.


VMT- Porque o nome da banda?
Zeh: Granada é um nome forte, de impacto, chama a atenção e aguça a curiosidade.

VMT- Quem mais influenciou vocês? ou que bandas influenciaram vocês?
Zeh: Varias! No começo ouvíamos muito Hoobastank, Linkin Park, Anberlin, History of the years. Depois começamos a amadurecer mais musica
lmente e começamos a ouvir muito Rage Agains the machine, Incubus, Pearl Jam, Stone Temple Pilots, Foo Fighters, Nickelback, O Rappa, Charlie Brow Jr., Red Hot Chilli Peppers e por ai vai…

VMT- Há quanto tempo estão ai na estrada?
Zeh: O Granada vai fazer 6 anos em Agosto agora de 2011. Mas estamos na estrada a mais tempo, cada um em bandas diferentes antes de chegar ao Granada.

VMT- Qual foi o maior sufoco que já passaram juntos?
Zeh: Quando o Pai de um Ex-Integrante começou a se intrometer muito na banda, o que gerou mudança na formação e problemas jurídicos, q
ue graças a deus hoje está tudo resolvido e a banda pode continuar em paz para compor e seguir seu caminho. Foi ruim pra quem ficou pra traz, mas pra gente foi uma lição de vida e hoje somos mais do que amigos, somos irmãos, e nos ajudamos muito também em nossas vidas pessoais e em tudo mais.

VMT- Se pudessem dividir o palco com alguém, quem seria esse alguém?
Zeh: No momento para todos da banda acho que Foo Figthers.

VMT- Qual a maior loucura que uma fã fez por vocês?
Zeh: Uma menina se escondeu na carretinha de equipamen
tos puxada pela Van, o detalhe é que estávamos em Brasília voltando para São Paulo. Acho que a vida dela foi salva pelo nosso roudie que tinha esquecido a mochila lá dentro e antes de sair foi pegar.

VMT- Qual foi o show mais marcante?
Zeh: O primeiro show da formação que o Rafael Bracu
y assumiu o baixo e eu fui só cantar. Foi na Ocean Club em São Paulo, quem estava lá sabe exatamente do que eu estou falando rs.

VMT- Quais as novidades para esse ano?

Zeh: Vamos lançar o CD “Equilíbrio” em um formato diferente, vai ser uma caixinha de CD mais ao invés da bolachinha do CD dentro, vai vim um PenDrive Pulseira com as musicas. Vamos lançar o vídeo clipe da musica “Nosso Lugar” e entramos em estúdio para gravar um novo CD.

VMT- Como foi depois da saída do Yuri da banda?
Zeh: Foi conturbada, como sempre é a saída de um integrante ainda mais um vocalista. Mas nos unimos e superamos.


VMT- Quem escreve as músicas?
Zeh: No primeiro Cd tem letras Minhas, do Yuri e do Felipe Pampuri. No segungo foi eu e o Yuri e no Terceiro as letras são minhas e
o Leo também começou a escrever.

VMT- Qual das músicas de vocês, você mais gosta Zé? E por quê?
Zeh: Eu gosto de todas, não consigo ter uma preferida, vai do momento, neste momento eu estou gostando mais das novas que vem por ai.

VMT- Que dica/recado você passa para as novas bandas que estão surgindo?
Zeh: Que o mercado da musica no pais é muito
mau valorizado e o do Rock dentro da musica quase não existe. Que se você quer ter uma banda e viver disso, você tem q ter muito amor pelo que faz, estar ao lado das pessoas certas e lutar incansavelmente, pois hoje vale mais a pose, o resultado financeiro que uma banda da, do que a musica em si e o talento musical da banda. É pra quem gosta mesmo!

VMT- Você acha que de uma certa forma o "Happy Rock" acaba com a verdadeira essência do Rock?

Zeh: Acho que o “Happy Rock” é um seguimento completamente diferente do nosso, é entretenimento infantil. Respeito o trabalho de quem o faz bem feito, como o Restart vem fazendo. É a proposta que eles tem, gostam e sabem fazer, tem mais é que dar certo mesmo, e torço por eles, gosto muito do Pê Lanza como pessoa, muito mesmo. Mas realmente não tem a essência do Rock não é muita a cara deles, eles são POPs. O Rock vem da rebeldia né, da luta pela liberdade de opinião, pela vida alternativa dos padrões.Visualmente eles têm muito disso, mais para um lado musical eles são mais POP, d
o que ROCK.

VMT- Como está atualmente a formação da banda?
Zeh: @BandaGranada é : Zeh Nery – Vocal, Leo Pinotti – Guitarra e Voz, Victor Ballesté – Bateria e Sampler, Rafael Bracuy – Baixo e Felipe Aracati – Guitarra e Voz.

VMT- Aqui é seu espaço, você pode acrescentar algo que acharia interessante as fãs saberem.

Zeh: Amamos todos vocês e lutamos muito para ainda estarmos aqui hoje podendo tocar as musicas que vocês amam em suas cidade e sempre tentando fazer mais e mais musicas para acrescentar ainda mais algo de bom nas suas vidas.

VMT- deixe um recadinho para as fãs de vocês e os seguidores do blog.
Zeh: Foi um prazer dar essa entrevista para vocês, um beijo enorme, Good Vibs e se querem saber mais é só nos perguntar em nossos twitters pessoais ou no @BandaGranada.
Os nosso são:
Zeh: @ZehNery
Leo: @PinottiLeo
Felipe Matador: @Matador_
Victão: @Victorballeste
Rafa Bracuy: @RafaelBracuy




Aqui vou deixar os links da banda:

  • Site Oficial: http://www.granadaoficial.com.br - Em breve no Ar.
  • Twitter: http://twitter.com/bandagranada
  • Myspace.com: http://www.myspace.com/granadaoficial
  • YouTube.com: http://www.youtube.com/bandagranada
  • Blog: http://www.papolog.com/granada
  • Facebook: http://on.fb.me/a4Qsj0
  • Orkut: http://bit.ly/GfIRy
  • Fotolog: http://www.fotolog.com.br/bandagranada
  • Loja Virtual: http://www.punkshop.com.br/granada
  • Quer Saber? Então pergunte!: http://www.formspring.me/bandagranada
Curtiram Galerinha? *-* Então fiquem atentos na agenda de shows da banda para ver se logo eles farão um show perto de vocês!



(' Káh)

sexta-feira, 1 de abril de 2011

Shows Internacionais

Bom Galerinha, hoje trago um post mega especial para vocês, mas quem o escreveu foi a minha querida amiga Clara Coutinho, fã da Lady Gaga. A Clara teve a oportunidade de ir no show da Lady Gaga em Lisboa, no Pavilhão Atlântico e agora vai contar para vocês como foi...
Há só uma observação, a Clara foi ao show da Lady Gaga, vestida de Lady Gaga!




O Show da Lady, conhecida com suas tamanhas extravagâncias, maluquices, etc... não poderia começar com uma abertura diferente. Como aquecimento dos malucos : Lady Starlight , tocando sucessos de bandas como Queens e Guns N´Roses.


Logo depois Semi Precious fizeram juz a uma platéia de 18.500 pessoas.


Semi Precious Weapon, mostraram glam rock extremado. O vocalista Justin Tranter deixou bem claro: "Nós somos os Semi Precious Weapons, de Nova Iorque, e a nossa tarefa é deixar todas as pessoas de Lisboa molhadas e excitadas para receber Lady GaGa".

Justin em todo momento ofendia a platéia, mas claro, de uma maneira toda carinhosa. E nos bastidores confessaram que não esperavam ver tanta gente.
São completamente loucos no palco, mas tenho que dizer que foi lindo ver a música lenta com todos a iluminar o Pavilhão Atlântico aqui em Portugal. Adorei a rebeldia e ousadia deles, uma extravagância ainda não polida, principalmente do vocalista!

Depois disso, uma grande tela cobriu o palco, e a música começou com uma grande contagem regressiva.
I´m free bitch!!!

Logo em seguida, radiante com sua jaqueta roxa, desceu as escadas e começou Glitter & Grease.

Já sem a jaqueta, somente num colant de oncinha roxa. Abriu o capo do carro que faz parte do cenário de seu palco, tocou alguns acordes no teclado e começou Just Dance.

Muito se fala de Lady Gaga, que é um fenómeno passageiro, que não traz nada de novo à música, blá, blá, blá .... a verdade é que quem viu este concerto percebe o porquê do seu sucesso. Tem uma voz que aguenta diferentes registos, de momento pode falar com a maior doçura e três segundos depois parece uma insana a berrar, uma figura interessante que faz juz ao carinho dos fãs, neste show presenciamos como ela retribui o afeto do fã que levou um cartaz avisando que era seu aniversário, a La Marilyn Monroe, cantou Happy B-Day a ele.


O guarda roupa é simplesmente divino, ombros largos... grandes estruturas, freira transparente... um collant com cabelos com o centro como se seu coração tivesse sido arrancado pelos bailarinos, justo na música Monster,

e não posso esquecer de comentar sobre a mudança de roupa em instantes dentro de um grande telão, onde de um conjunto preto, surge com o vestido VIVO.

Os bailarinos brilhantes, posso dizer que eles simplesmente não possuem um papel de dançar no palco, mas quem os vê acredita que o espetáculo Monster Ball é estar em um outro mundo, onde cada figura que está no palco tem seu personagem, independente da Lady.
Os cenários pareciam tirados de um filme de Hollywood , principalmente na performance de Alejandro onde temos árvores gigantescas pontiagudas e uma indefesa Lady Gaga com vestido verde quase atacada por um Fame Monster em Paparazzi.
Acima de tudo, destaco a comunicação COM O PÚBLICO, o carinho que ela demonstrou com os fãs, entregando algumas coisas, guardando outras e estando próxima fisicamente de todos, é algo que não se vê muitos artistas fazerem (nem aqueles com carreiras robustas de anos). Esforçou-se para falar português e, passou mensagens que até parecia uma palestra de como aumentar a auto-estima, já como um ínicio a sua nova fase BORN THIS WAY!
Os discursos que fez foram muito coerentes, válidos e importantes na sociedade atual.
Pensar bem naquilo que somos por oposição ao que queremos parecer. Foi, como ela disse, um hino à liberdade: cada um é como é e ninguém tem nada a ver com isso!

Foi simplesmente inesquecível. Ela mostrou ser muito profissional, atenta a todos os promenores, humilde (não se esqueceu de agradecer o apoio de todos os técnicos, todos mesmo), empenhada em dar o seu melhor e genuínamente. Conseguiu mostrar o lado humano que muitas vezes não transparece nestas situações!

obs: Descobri somente dias depois que o ilustrissimo fotografo Terry Richardson estava fazendo a cobertura fotográfica da turnê, e estava presente nesse show.
E simpático foi fotografado com o GATISSIMO do Rafael Maurício. Blogueiro do Batom num Palheiro.


E pra finalizar... algumas fotos minhas na fila.



E você, foi em algum show INTERNACIONAL e quer contar como foi? Entre em contato com a gente e conte como foi!
Porque o VMT também é espaço de vocês!

Agradecimento especial á Clara Coutinho! <3
Espero que tenham gostado.

('Káh)
Related Posts with Thumbnails